dicas economizar festa de casamento

Vai casar? 10 dicas simples e poderosas para economizar em seu casamento

Realizar um casamento não é nada barato. Se você já começou a pesquisar, com certeza comprovou isso sozinha. É fato que são muitos detalhes, e alguns desses detalhes não são nada baratos.

É um período de sentar e planejar com muita calma e cuidado, pois, é muito comum se deixar levar pela empolgação da comemoração e acabar gastando mais do que deveria, quando é muito possível ter a festa dos sonhos e economizar ao mesmo tempo.

Neste artigo, separei algumas dicas simples, mas muito preciosas, para que você não exagere nos preparativos e consiga economizar um pouco, e ainda manter a elegância da festa e realizar seu sonho de casamento.

Como economizar na festa de casamento?

1. LOCAÇÃO

Pode até parecer óbvio, mas muitas pessoas fazem a cerimônia e a festa de casamento em lugares diferentes e acabam deixando de economizar, pois, poderiam fazer tudo em um lugar só e economizar muito só na locação da festa.

Talvez seja muito mais vantajoso escolher um lugar grande e confortável, do que dois lugares diferentes e, muitas vezes, distantes um do outro.

Quando a festa e a cerimônia são no mesmo lugar, os convidados não precisam se preocupar em ter de se deslocar até outro ambiente para comemorar junto com vocês, isso é muito interessante para os casais mais modernos, que gostam de facilitar as coisas e ainda economizar bastante.

2. PLANEJAMENTO

É claro que você se planejará antes de fazer um casamento, mas quanto mais cedo você começar a planejar e pesquisar, melhor para sua economia.

Não deixe pra começar a se preparar em alguns meses antes do casamento, quando você e seu companheiro ou companheira decidirem se casar, já comecem a pesquisar as coisas mais simples, assim ,quando a data for marcada, vocês já têm uma ideia de qual caminho seguir.

3. ESCOLHA DA DATA

Caso você não saiba, existem épocas do ano em que é mais barato realizar uma festa, pois a procura diminui.

Um exemplo disso é o inverno. A procura por festas e locações durante o inverno diminui bastante, por isso, pode ser muito mais barato, e até muito elegante, realizar seu casamento nessa época.

Mas se você quiser um casamento no verão ou primavera, para fazer a festa na praia, por exemplo, também é possível economizar baseado no dia da semana, geralmente na 2ª e 5ª feira às locações ficam um pouco mais baratas.

Por isso, é importante pesquisar tudo isso quando estiver planejando. Os casamentos diurnos também são mais baratos do que os noturnos.

data barata para casar

4. DECORAÇÃO

A decoração também é muito importante e existem várias dicas para te ajudar a economizar. Ao escolher as flores para sua decoração de casamento, escolha as flores da estação, pois, elas ficam bem mais baratas e duram muito mais no dia da cerimônia.

Além disso, deixe para comprar as flores e os itens de decoração logo depois de datas comemorativas, por exemplo, compre as flores depois do dia dos namorados, pois ficam mais baratas, depois do natal e ano novo, muitas lojas de decoração colocam vários itens em promoção.

5. O VESTIDO DA NOIVA

Essa é a parte mais importante para a noiva, não é mesmo? E muitas se permitem gastar muito nessa parte.

Mas se você é uma das que querem economizar ao máximo, você pode alugar um vestido ao invés de comprar.

Mas se preferir ter o vestido do seu casamento para guardar de lembrança, porque não comprar um vestido simples e customizá-lo para que ele se torne único e perfeito?

Fazendo isso, você gasta muito pouco com a compra de um vestido mais simples e depois basta pagar uma costureira para adicionar os detalhes especiais e deixá-lo com a sua cara. Um vestido único, bonito e econômico.

6. LISTA DE CONVIDADOS

Não saia convidando todo mundo. Um casamento é uma data especial, então, convide as pessoas mais queridas e que você têm uma relação mais próxima, pois, o tamanho da lista de convidados influencia diretamente com o quanto você vai gastar a mais com o buffet.

Um casamento não precisa ter muita gente para ser perfeito, os mais queridos já basta.

economia na quantidade de convidados

7. BUFFET

Um jantar de casamento geralmente é mais caro, mas também é possível economizar escolhendo essa opção, basta diminuir o tempo da entrada, e a quantidade de bebidas alcoólicas, por exemplo.

Mas se seu casamento for diurno e você quiser economizar ainda mais, opte por um cardápio de massas, geralmente agrada os convidados e sai muito mais barato.

8. BOLO E DOCES

Quando for fazer o bolo, faça um bolo menor e mais elaborado para pôr na mesa e ser cortado na hora da festa pelos noivos, e um menos elaborado, que ficará na cozinha e será servido aos convidados.

Além disso, flores naturais para decorar o bolo saem mais baratas que as flores comestíveis. E, também, não exagere nos docinhos, evite os doces de nozes e frutas vermelhas, geralmente são mais caros.

9. MÚSICA E FOTOGRAFIA

Para a música, você pode contratar um DJ ou uma banda, se souber negociar, não sai nada caro. E para a fotografia e filmagem do casamento, peça recomendações de conhecidos, geralmente fica mais fácil do que sair procurando e comparando várias empresas.

10. LEMBRANCINHAS

Para economizar nas lembrancinhas, recicle e faça trabalho manual customizado. Essa é a forma mais simples de fazer algo bonito e, ao mesmo, tempo barato. Muitas pessoas utilizam esse formato, e basta chamar as tias e primas para ajudar você.

Caso prefira encomendar, evite algo muito elaborado, às vezes o mais simples e mais bonito e vai sair mais barato. Afinal, as lembranças em si devem ficar na mente dos convidados.

lembrancinhas baratas para casamento

DICA EXTRA

Hoje em dia, muitos casais criam um site para postar informações sobre o seu casamento. Os convites da sua festa podem ser feitos virtualmente também, isso é interessante, pois, ajuda a economizar e ainda é bastante ecológico.

CONCLUSÃO

Faça do seu casamento um momento elegante que será lembrado, mas não acabe com todas suas finanças por causa da festa.

Assim, você pode economizar e ter uma lua de mel mais elaborada e, ao voltar à vida real, não estará atolada(o) em dívidas.